Demo

Nota de Esclarecimento 

O Presidente do Instituto de Câncer Dr. Arnaldo, Sr. Sérgio Luis Innocenzi, esteve ontem (06/04) em Brasília, em audiência com o Excelentíssimo Sr. Ricardo Barros, Ministro da Saúde, para solicitar a readequação do limite orçamentário pactuado em convênio junto ao SUS. Na ocasião o senhor Presidente protocolou o ofício junto ao Ministério da Saúde.

EM_06042017_2
EM_06042017_4
EM_06042017_6
1/3 

Segue abaixo texto do ofício na íntegra:

São Paulo, 04 de abril de 2017.


O Instituto de Câncer Arnaldo Vieira de Carvalho, hospital que atende os pacientes do Sistema Único de Saúde/SUS na sua integralidade e, centro de referência em alta complexidade para oncologia, leva ao conhecimento da população que, por questões de limitação orçamentária, pactuada em Convênio no. 037, de 09 de outubro de 2013, assinado com a Secretaria Municipal de Saúde, estará atendendo os pacientes portadores de patologia oncológica mediante demanda submetida à regulação e autorização do Complexo Municipal a partir do dia 03 de abril de 2017.

O referido convênio prevê atendimento de 130 internações cirúrgicas mensais de alta complexidade. Esclarecemos que o teto financeiro para as 130 internações cirúrgicas mensais pactuado é de R$ 780 mil.

Ocorre que, nos últimos sete meses, a instituição realizou em media 264 internações cirúrgicas por mês causando um prejuízo mensal pelo não recebimento das internações na ordem R$ 800 mil.

Todos os esforços para resolver essa situação foram feitos junto aos Poderes Municipal, Estadual e Federal, porém sem qualquer sucesso.

Portanto, a partir desta data, os pacientes que excederem o teto físico para internações cirúrgicas serão direcionados à Secretaria Municipal de Saúde para que referencie em quais serviços credenciados os pacientes poderão obter atendimento.

Atenciosamente,

SÉRGIO INNOCENZI
PRESIDENTE INSTITUTO DE CÂNCER DR. ARNALDO

Arquivo em PDF da Carta Aberta à População protocoloda no Ministério da Saúde

REDES SOCIAIS

fb    yt